Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Stone Art

Coisas soltas da vida que povoam o meu quotidiano. Sem amarguras nem fatalismos, com aceitação, simplicidade, ironia e alegria. Sejam bem vindos a esta minha casa.

Pequena carta à minha mãe


Foto de Linda Veit

Mãe, hoje o dia é teu,
Este dia em que és criança
Feliz, de brilho no olhar,
Coração recheado de esperança
Em tudo o que a vida prometeu.

Não fui o filho que querias,
O doutor, juiz, professor,
Mas sou um filho que te ama,
Que sente ainda o teu calor
Naquele sorriso que me fazias.


Fernando Saiote

Será apresentado no próximo dia 29 de Novembro, pelas 18.00 horas, a obra poética de Fernando Saiote intitulada “Pedras Soltas”. O evento decorrerá no Auditório da Junta de Freguesia de Nossa Senhora da Vila, em Montemor-o-Novo. Obra e autor serão apresentados pelos Prof. João Luís Nabo e Prof. Vítor Guita.