Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Stone Art

Coisas soltas da vida que povoam o meu quotidiano. Sem amarguras nem fatalismos, com aceitação, simplicidade, ironia e alegria. Sejam bem vindos a esta minha casa.

Fim do mundo em 2012

Depois de tantos fins do mundo a que já assisti (sim, sim eu estive presente quando o mundo acabou em 1999, 2000, 2002, 2006, 2008 e 2011), claro que vou estar presente neste fim do mundo marcado para dia 21 de Dezembro. Só não sei ainda as horas porque ninguém me avisou.

Temos aqui, na questão do horário, um problema de logística. Afinal o mundo acaba todo ao mesmo tempo ou, à semelhança da passagem de ano, começa em Kiribati e acaba no Haiti?... era importante saber, se bem que acho injusta qualquer uma das formas.

Importa agora analisar as diversas teses para este fim do mundo.

O norte-americano José Arguelles, um visionário New Age, afirma que "maias galácticos viram das estrelas para salvar 144 mil terráqueos evoluídos, a bordo das suas naves”. Ou seja, dia 21/12, vão vir charters de maias galácticos. E antes de saírem das naves vai-se ouvir "quem tem velas e comida enlatada para a esquerda, terráqueos evoluídos para a direita, restantes serão fulminados!!!!"

E porquê velas e comida enlatada? É que parece que há muita gente a comprar destes produtos para se preparar para o fim do mundo. A sério?!??!?! Gostava que essas alminhas inteligentes me explicassem para que servem as velas se o mundo acabar… Só se for para serem considerados evoluídos e portanto serem salvos pelos maias galácticos.

Confesso que também acho piada aos bunkers e às arcas capazes de resistir ao apocalipse. Ok, vamos acreditar que as arcas resistem e os bunkers também. E depois? Se não houver mundo servem para quê? Não é suposto o mundo acabar?...

Parece que também há a hipótese dum planeta que nunca ninguém viu, chamado Niburi colidir com o nosso planeta nesta sexta-feira. É possível… mas só porque toda a gente nesse planeta apagou as luzes e ele vem de mansinho pelo ângulo morto do espelho retrovisor. Ah, estão ali a dizer-me que Niburi não tem luzes para serem apagadas nem estamos num carro. É verdade, mas também é verdade que, por esta altura, já seria mais visível que a Lua e parece-me que ninguém o viu ainda.

Mas desengane-se quem pensa que o fim do mundo está próximo só por causa do calendário maia. Nostradamus também previu o fim do mundo. Aliás, bem vistas as coisas, nenhum fim do mundo está completo sem que Nostradamus o preveja.

Diz a profecia, desta vez, que “Da calma manhã, o fim virá/Quando o número de círculos/do cavalo dançante chegar a 9”. Só há uma maneira de evitar esta profecia que é deixar de ver, no Youtube, o vídeo da música Gangnam Style do rapper Psy. Confusos? Não estejam, que eu explico. Psy é natural da Correia do Sul que se pode traduzir como “Terra da Calma Manhã” e a dança associada ao Gangnam Style imita um cavalo a dançar. Resta o problema dos 9 círculos. Ou então não. O vídeo está quase a atingir, no Youtube, 1 bilhão de visualizações que é um número com 9 zeros/círculos. Como se vê, Nostradamus era um rapaz mesmo muito à frente do seu tempo e conseguiu incluir o Youtube numa das suas muitas previsões…

Uma coisa é certa, dia 21 de Dezembro, por via das dúvidas, vou trazer a minha melhor roupinha para festejar este fim do mundo. E venha de lá o próximo para que eu possa dizer “fim do mundo? Eu vou!”