Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Stone Art

Coisas soltas da vida que povoam o meu quotidiano. Sem amarguras nem fatalismos, com aceitação, simplicidade, ironia e alegria. Sejam bem vindos a esta minha casa.

Levou-me um livro

viajar.jpg

Levou-me um livro com ele pelo mundo a passear. Levou-me por desertos secantes, por oásis refrescantes.

Levou-me pelas terras do Egipto, e mostrou-me as pirâmides antigas. É impressionante como ainda não caíram, aqueles monumentos...

Levou-me à torre de Pisa, aquela toda inclinada!

Levou-me à torre de televisão, em Berlim!

Levou-me ao Vietname, onde se comem cobras!

Fomos à Suíça, provar os chocolates.

Fechei o livro. Acabei as primeiras viagens. Fui-me deitar, para amanhã ter energia para continuar a ler o livro.

De manhã, o livro levou-me a ver o nascer do sol, nas montanhas.

Levou-me ao Japão, ajudar a restaurar as cidades que foram destruídas pelo tsunami e pelos terramotos.

Levou-me ao Pólo Norte, ao Pólo Sul.

Fechei o livro. Uma amiga tinha chegado a minha casa, para lermos o livro, as duas.

O livro levou-nos ao Oceano Pacífico.

Levou-nos para o mar, para tentarmos descobrir a Atlântida, a cidade perdida. Mas falhámos, como tantos outros.

O livro acabou. Hora de começar a ler outro...

(escrito pela minha filha em 2011, com 10 anos de idade) 

2 comentários

Comentar