Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

StoneArt Portugal

Coisas soltas da vida que povoam o meu quotidiano. Sem amarguras nem fatalismos, com aceitação, simplicidade, ironia e alegria. Eu e os meus livros. Sejam bem vindos a esta minha casa.

StoneArt Portugal

Coisas soltas da vida que povoam o meu quotidiano. Sem amarguras nem fatalismos, com aceitação, simplicidade, ironia e alegria. Eu e os meus livros. Sejam bem vindos a esta minha casa.

No blog com... Hélder Oliveira

noblog.jpg

Estas últimas semanas tem sido bastante complicadas e a rubrica No Blog Com acabou por sofrer com isso. Mas hoje temos cá o Hélder Oliveira

Fui completamente apanhado de surpresa! Enviei um mail à Magda para me envolver noutro projecto e assim, de chofre, fui intimado a enviar um texto onde falaria sobre mim para ser entrevista para a rubrica "No blog com...".
Fiquei logo todo eufórico!
É sempre difícil falar sobre nós. Como é óbvio, não vamos falar mal de nós próprios mas, por outro lado, se nos autodescrevermos com algumas qualidades, podemos correr o risco de ser chamados de convencidos.
Sou um rapaz simples, humilde, bastante sonhador, cresci e sempre vivi num meio rural, e não trocava esta paz por nada deste mundo.
Sou solteiro e bom rapaz, assim espero. Mas sou bastante apaixonado pelos livros, tenho um casamento perfeito com eles, na alegria e na tristeza, na saúde e na doença.
A palavra desemprego já faz parte da minha vida já algum tempo, mas não é por isso que deixo de viver e arranjo sempre maneira de estar ocupado.
O blog Pensamentos e Palavras retrata, de uma forma simples, os pensamentos de um jovem sonhador, com bastante sentido de humor, que tem uma enorme sede de conhecimento e pretende alcançar aquele sonho que todos nós, humanos, queremos. Ser feliz!
 
1. Deixada pela Cristina - Se pudesses voltar ao passado mudavas alguma escolha da tua vida?
Sim, mudava tanta coisa! No entanto, a mais importante das escolhas, seria a de nunca abandonar os estudos! Sempre tive o sonho de, um dia, poder ingressar na faculdade, tirar história ou literatura, ser professor, mas as circunstâncias da vida não o permitiram. Contudo, nunca é tarde para aprender e, quem sabe, um dia não estarei a leccionar numa escola qualquer deste país...
 
2. Se tivesses de escolher um livro... qual seria?
Ora aqui está uma pergunta um pouco difícil... São tantos os livros que já li que considero muito bons, que já nem tenho conta. Sem dúvida alguma que escolheria "Os Anagramas de Varsóvia" de Richard Zimler. Eu adoro o Zimler, amo mesmo! Ele tem muitas obras publicadas onde aborda muito o massacre dos judeus, um tema que sensibiliza todos nós, pelo simples facto de tantas vidas humanas terem sofrido horrores às mãos de um homem com sede de poder. Para aqueles que não conhecem o livro que referi, recomendo vivamente, vão chorar, tal como eu chorei, e não tenho vergonha de o admitir! Afinal, um homem também chora.
 
3. Como te vês daqui a 10 anos?
Não faço a mínima ideia. Se me perguntassem isso à 10 anos atrás, eu teria respondido que me via a trabalhar e a ter a minha independência que sempre quis alcançar. Contudo, 10 anos passaram, e a palavra desemprego, uma palavra tão pesada de ser carregada sobre os ombros, ainda continua tão presente na minha vida, fazendo imensos estragos. Como sonhar ainda é de graça neste país, daqui a 10 anos gostava de já ter o meu curso concluído e levantar-me todos os dias com um objectivo, o de contribuir para a aprendizagem e educação dos nossos jovens, pois eles serão o futuro do nosso país. Tenho medo que daqui a 10 anos, esses valores tão importantes, caiam ainda mais no esquecimento.
 
4. Qual é o papel que o humor tem na tua vida?
Por norma sou uma pessoa sempre alegre e de bem com a vida. Sou apologista da frase "se a vida te virar as costas, aproveita e apalpa-lhe o rabo". O humor é muito importante para todos nós, pois com um sorriso no rosto, os nossos problemas diários, ficam mais fáceis de lidar. Afinal, que piada teria a vida, se tudo fosse cor-de-rosa? Por isso mesmo é que levo a vida não tão a sério, gosto de brincar, de me divertir, libertar a criança que ainda está cá dentro e espero que perdure.
 
5. Sem saberes quem é a próxima convidada, que pergunta lhe deixas?
O que é a felicidade para ti?
 
6. O que gostarias de me perguntar?
Gostarias de escrever um livro? Que temática abordarias?
Curiosamente já escrevi e publiquei três livros. Vida na InternetEpisódios Geométricos e Viagens. Todos eles com crónicas sobre o meu dia a dia.

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D