Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Stone Art

Coisas soltas da vida que povoam o meu quotidiano. Sem amarguras nem fatalismos, com aceitação, simplicidade, ironia e alegria. Sejam bem vindos a esta minha casa.

Olha que ideia que sim senhor - Jantar de Natal Sapo Blogs (e outros também)

...

Que o sonho comanda a vida
E que sempre que o homem sonha
O mundo pula e avança

...

Roubei este pedacinho do meu poema favorito para vos dizer que, quando tive a ideia dos Sapos do Ano 2017 *, nem por um segundo sequer pensei que a adesão ia ser tão grande. Nem que ia chegar tão longe. Pensei que, vá, a seita do arroz, os pássaros e parte do grupo do livro secreto iriam colaborar e que, na loucura, talvez mais um ou dois blogs. Nunca pensei que, sete dias depois, já teria recebido nomeações de 53 pessoas que nomearam 175 blogs diferentes nas dez categorias que escolhi, tendo pelo menos 39 blogs diferentes (e de plataformas diferentes) feito posts sobre isto, convidando os seus leitores a também votarem.

Em relação a isto, só me apetece dizer: CARAMBA! A minha folhinha de excel está muito composta, esta votação está a roubar-me tempo mas está a ser muito muito engraçado. Por isso, não se importem com o meu tempo, enviem-me por email (magda.pais@gmail.com), até dia 25/11, os vossos blogs favoritos nas seguintes áreas: Opinião, Humor, Livros, Moda, Poupar, Música, Fotografia, Comida, Família e Generalista. Não precisam de mandar de todas as categorias nem tem de resumir a um. Mandem que eu cá me organizo com isto. Tal como já disse antes, isto é mero divertimento, o único prémio que os vencedores vão ter é uma indicação aqui no burgo (e o direito a colocar esta linda imagem no blog).

 

007A12615190482DB8C2AC34C51C9C28.png

A segunda fase - em que vão poder escolher o vosso preferido entre os cinco mais nomeados em cada categoria - terminará a 14 de Dezembro mas darei mais noticias sobre isto no dia 27 deste mês.

Mas, e agora estão vocês a pensar, porque raio é que o texto fala num jantar de Natal e só falei dos Sapos do Ano? não se apressem que já vos conto tudo.

Blogs com gente dentro, não é? Ora gente janta e gente comemora o Natal. Então porque não juntar blogs, gente e Natal no mesmo sítio? é isso mesmo que eu, a Mariana e o P.A. pensamos em fazer. Organizar um jantar de Natal no dia 16 de Dezembro onde nos possamos ver em carne e osso (mais carne que osso no meu caso mas adiante). Que me dizem à ideia? vamos?

Se querem ir (e eu acredito que sim) mandem - até dia 7/12 - um email para mariana.sofia.14@hotmail.com - a indicar o vosso nome, blog, email e se possuem alguma intolerância alimentar a ser respeitada.

Não sabemos ainda o local (só sabemos que será em Lisboa) nem o preço porque tudo isso dependerá do número de participantes. 

Portanto e resumindo:

Até dia 25/11 - enviar email para magda.pais@gmail.com a indicar os vossos blogs favoritos.

Até 7/12 - enviar email para mariana.sofia.14@hotmail.com para se inscreverem para o jantar de Natal.

Vamos lá?

 

E já agora, que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

Sapos do Ano 2017 *

007A12615190482DB8C2AC34C51C9C28.png

Ora estava eu aqui a pensar, a propósito dos blogs do ano (cujo resultado saiu ontem e ganharam os suspeitos do costume) que, giro giro, era nós, os comuns mortais, aqueles que tem blogs menos conhecidos, tivessem também o reconhecimento dos seus pares.

É que, reparem, há milhares de blogs espalhados na blogsfera que lutam todos os dias para sair do anonimato e que não conseguem, apesar da qualidade que tem. 

Por isso, porque não criar um concurso para esses que ficam sempre de fora? E é isso mesmo que vou fazer. O Sapos do Ano de 2017*, contará com a excelente organização de Magda Pais, e com o alto patrocínio de mim própria.

O Sapos do Ano 2017* terá  as seguintes categorias: Opinião, Humor, Livros, Moda, Poupar, Música, Fotografia, Comida, Família e Generalista.

E que blogs estão nomeados? bem, essa é a vossa tarefa. Por comentário a este post (no blog ou no facebook) ou por email para magda.pais@gmail.com digam-me quais os blogs que acham que devem ser nomeados. O prazo para esta fase termina a 25 de Novembro (véspera do meu aniversário, por isso podem já ir pensando na prenda que me querem dar).

Na semana a seguir direi aqui quem são os cinco nomeados em cada categoria e como se processará a fase seguinte.

E então, vamos lá dar a conhecer blogs anónimos?

 

* a plataforma SAPO nem desconfia disto e não tem nada a ver com esta minha ideia acabada de nascer (e que nem sei se terá pernas para andar porque depende de vós e não de mim). Escolhi este nome porque é no SAPO que tenho o meu blog, no entanto nada impede que sejam indicados blogs doutras plataformas. Só não queria que fossem indicados os suspeitos do costume. Não haverá prémio algum para os vencedores. Dúvidas, perguntas ou questões, podem colocar por qualquer um dos sistemas.

 

E já agora, que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

2015 em revista

117893.198459-O-Melhor-de-2015-App-Store.jpg

Na última semana do ano impõe-se uma reflexão sobre o ano que está a terminar. É capaz de ser um bocadinho longo mas, pronto, enfim, sempre resume 365 dias por isso tenham lá paciência.

Blogosfera

Neste blog o post mais visitado em 2015 foi um dia isto tinha que acontecer, o que teve mais favoritos foi como se mede o sucesso de um blog? e o mais comentado foi Peditórios e afins.

Nasceu, este ano, o Stoneartbooks dedicado exclusivamente a uma das minhas maiores paixões - os livros e a leitura. É nele que vou partilhando as minhas críticas aos livros que leio mas não só. Tudo o que se relaciona com livros é lá que encontram.

2015 viu também nascer um novo projecto. A Inominável, uma revista on line com uma equipa fabulosa. Leiam e encantem-se.

Começou em 2014 mas, em 2015 ganhou casa própria. Falo do Aprender uma coisa nova por dia, um blog de partilha de conhecimentos.

Fui convidada para o Meet the blogger onde fui buscar inspiração para No Blog com.... 26 convidados até agora, numa partilha muito engraçada.

Também em 2015 comecei, mensalmente, a dar a conhecer a quem me lê aqueles que foram, para mim, os destaques do mês. Todos os meses escolho cinco posts de outros blogs dos quais gostei bastante.

Amizade

Por causa do blog conheci pessoas fantásticas. A Seita do Arroz, o Clube das Pistosgas, a Vanessa e a Just são alguns dos exemplos - são as pessoas que me estão mais próximas e que provam que a amizade pode nascer apesar da distância. Mas não só. A blogosfera tem pessoas extraordinárias, e é impossível nomear aqui todos aqueles que gostaria, até porque, de certeza, que me esqueceria de alguém.

Televisão & Cinema

Não estou horas perdidas à frente da televisão. Irritam-me os anúncios que me fazem esquecer o que estava a ver e irrita-me as repetições exaustivas dos mesmos filmes e episódios de séries. Optamos, por isso, cá em casa, pela gravação e vamos vendo conforme nos apetece. No ano que passou quatro séries tornaram-se as minhas favoritas:

How to Get Away with Murder é uma delas. Annalise é uma advogada de defesa que dá aulas e que escolheu, dos seus alunos, um pequeno grupo para trabalhar no seu escritório. Quando a vida de Annalise começa a colapsar por causa do marido, os alunos que trabalham com ela são envolvidos num série de acontecimentos inesperados. A cada episódio surgem novos desenlaces, novas versões da mesma história, deixando sempre algo em aberto para o episódio seguinte. Viciante, excepcionalmente bem interpretado e desafiador. Uma série que recomendo a toda a gente.

Quantico conta-nos a história de um grupo de jovens que se candidataram ao FBI e que estudam em Quantico. Em dois momentos temporais - no tempo de aulas e uns meses mais tarde, quando Alex é incriminada por um ataque terrorista - vamos, aos poucos, percebendo as diferentes motivações para que os diferentes personagens se candidatassem ao FBI. Nada pode ser dado como garantido nesta série, as surpresas são constantes e as alianças fazem-se e desfazem-se. Uma série cheia de surpresas e de inesperados. A ver.

Bem Vindo a Beirais, uma série portuguesa, com certeza. E com qualidade. Recomendada dos 8 aos 80 anos. Um humor simples, a fazer-nos recordar o Pátio das Cantigas (a primeira versão), O Leão da Estrela (a primeira versão), O Costa do Castelo, O Pai Tirano e tantos outros da mesma época, em que o humor era feito de trocadilhos e muito pouco rebuscado. Pensado inicialmente para ter apenas uma duração de três meses, o sucesso alcançado levou a que a RTP prolongasse a série por quatro temporadas. Mas em Março de 2016 terminará aquela que é, sem dúvida, a melhor série portuguesa de sempre.

Scorpion é baseado na história verídica de Walter O'Brien, preso aos 11 anos por ter entrado no site da NASA para ir buscar fotos do Vaivém espacial para decorar o seu quarto. Walter tem o quarto QI mais alto alguma vez registado - 197 e trabalha com mais três génios na Scorpion, colaborando com o FBI na resolução de vários casos.

Em 2015 vi, finalmente, todas as temporadas da série de que todos falam. Game of Thrones foi, para mim, uma desilusão mas acredito que isso se deverá ao facto de ter lido os livros primeiro e de se ter perdido o efeito surpresa.

Quanto a filmes, raramente vou ao cinema, aproveitando as férias para ver os filmes no meio dos livros e, muitas vezes, fico desiludida com os filmes. Sem dúvida que A Rapariga que roubava livros foi o melhor dos filmes que vi este ano. Dos outros pouco me lembro e, daqueles que me lembro, preferia esquecer (como é o caso da Viagem ao Infinito (A teoria de tudo) uma vez que o filme altera quase todo o livro).

Livros

58 livros lidos em 2015 e sobre os quais falo aqui. Foi também o ano em que as minhas Viagens viram a luz do dia.

Família & Saúde

Uma broncopneumonia a terminar o ano e a deixar-me completamente de rastos. Nunca me tinha sentido assim mas há que pensar que, apesar de tudo, o nariz não entupiu, contrariamente ao que é hábito.

O maridão foi sujeito a dois bypass coronários. Um ano após o inicio dos sintomas e do nosso périplo por salas de espera dos hospitais, a operação aconteceu e tudo correu bem. Espectacular equipa a do Hospital de Santa Marta.

O meu pai teve um AIT mas como é teimoso, foi ao hospital apenas dois dias depois. Felizmente tudo correu bem mas podia não ter corrido. Não sejam teimosos, se tem sintomas estranhos vão ao médico! Pode não ser nada mas pode ser tudo.

A minha tia foi internada com uma infecção respiratória nos últimos dias de Novembro. Passou a infecção e na noite de Natal aqui estava ela em casa fresca e fofa como sempre.

Apareceu um nódulo na Bunny. Foi operada ontem e está a recuperar aos poucos. Não é nada de cuidados, é só esperar pela recuperação da cirurgia. A Saphira teve toxoplasmose, foi um extenso tratamento mas felizmente não ficaram sequelas.

Depois de uma zanga por motivos parvos, que não são para aqui chamados, e que já durava desde 2009, a reconciliação com os meus sobrinhos mais velhos aconteceu. Os primeiros passos foram dados antes mas o reencontro foi no dia de Natal, tornando-o ainda mais especial. 

**************

Em suma, 2015 foi um excelente ano. Para mim e para quem está desse lado, desejo apenas que o pior de 2016 seja o melhor de 2015. E que continuemos todos por aqui.

 

Lavagem de paredes e mudança de mobília

Depois de descobrir que já se podia colocar, nos blogs, os Posts sugeridos, a opção que faltava (para mim) para tornar as casas deste bairro ainda mais atraentes, percebi que o meu template não permitia esta opção.

E chorei (pronto, não literalmente, mas quase). Chorei muito (ou então não)... a seguir fui à janela e atirei-me da ponte. Pronto, ok, estou em casa, a ponte é a 30 km daqui, mas isso agora não interessa nada.

A seguir gritei:

Socorro!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Ninguém me ouviu. Bom, talvez as cadelas tenham ouvido mas elas não me ligaram nenhuma.

Respirei.

E resolvi lavar a cara (a do blog, que a minha estava seca), mudar as mobílias de sítio - again, as do blog que as da sala são demasiado pesadas para as mudar sozinhas - e pronto, aqui estamos, de aspecto novo. E olhem, eu gosto. Espero que as pessoinhas queridas e simpáticas que me visitam também gostem. E aproveitem para visitar os Posts sugeridos aqui mais abaixo.

Eu & os Blogs & os Destaques

Untitled.png

Depois de ler alguns comentários aqui e noutros lados, e para não responder directamente a A ou B ou C, quer porque desconfio que há mais do que as letras do alfabeto, quer porque é na minha casa, leia-se blog, que devo desabafar o que me vai na alma a este propósito, resolvi escrever este post que, já sei, vai ser polémico e que é capaz de trazer alguns engulhos.

Mas antes de lá irmos, deixem-me dizer-vos que este blog não é patrocinado, não recebe cunhas nem publica publireportagens. Por isso, tudo o que vai ser dito daqui em diante é a minha opinião sincera e resulta da minha experiencia pessoal.

Meus caros, vocês escrevem porque gostam, porque vos apetece ou escrevem para serem destacados? Escrevem porque querem partilhar ou porque querem ser conhecidos?

Sim, eu gosto de ser destacada no Sapo Blogs. Quem não gosta? É um miminho que, penso, só esta plataforma disponibiliza e que sabe muito bem. É um reconhecimento, mas não é o único.

Quando escrevo um post, escrevo-o porque quero, porque me apetece, porque um determinado tema chamou a minha atenção. Quando o estou a escrever não estou para aqui a calcular o número de comentários que vou ter nem se o texto vai ser destacado ou não.

Hoje já posso dizer que gosto de escrever (e só quem me desafiou a começar a escrever é que vai perceber este inicio da frase) e gosto de receber os vossos comentários – sejam eles positivos ou negativos – e gosto de vos responder. Mais que os destaques do Sapo, prefiro saber a vossa opinião. E quando gosto do que leio nos outros blogs, comento, coloco-os como favoritos para poder lá voltar e reler e destaco-os eu – no meu blog, no facebook ou até indicando aos batráquios que um determinado post é, para mim, especial – depois se eles o destacam ou não, é com eles, são eles que gerem a plataforma, que nos tratam com tanto desvelo e carinho, que mais do que isso não posso exigir.

Outra das críticas que li por ai aos destaques do sapo é por os temas destacados não serem interessantes. E eu pergunto – para quem? Os blogs de moda e maquilhagem não são a minha praia. Mas aceito que esses temas sejam de interesse. Eu gosto imenso de livros e de ler, mas aceito que haja quem entenda que esses temas não são interessantes. Os destaques do Sapo são variados – chocolates, comida, moda, livros, humor, actualidade, viagens, politica, … já lá vi quase tudo e ainda bem, são pluralistas e dão oportunidades a todos os temas o que torna ainda mais interessante consultar os destaques.

Já o disse aqui, Em 1999 haveria cerca de 50 blogues. Em 2009 existiam cerca de 112 milhões de blogues e em 2011 eram cerca de 152 milhões. São criados, diariamente, cerca de 120 mil novos blogues. Não sei quais são os números do Sapo Blogs – quantos blogues estão alojados nesta plataforma nem quantos posts são colocados por dia. Serão, com certeza, uns milhares. Aliás, basta fazer um pequeno teste – publiquem um post e vão, de imediato, consultar o separador Últimos Posts. Se se descuidam, o vosso já lá não está… Se se descuidam, nem na fantástica área de leituras conseguem apanhar os últimos posts dos blogs todos que seguem (principalmente se seguirem muitos). E esperam que a equipa que faz os destaques leia todos os posts colocados? E o Pai Natal também entrega presentes e os glutões do Presto lavam a roupa, certo? Eles já o disseram várias vezes e está explicado aqui como são feitos os destaques. E todos podemos contribuir indicando os posts ou blogs que achamos que devem ser destacados – e não precisamos do Follow Friday para o fazer.

(se bem que o Follow Friday também serve para destacarmos outros blogs que gostamos).

E quanto ao plágio que por ai anda? Meus caros, voltamos ao mesmo. Já quando eu pertencia à administração do Luso poemas tínhamos esse problema e, acreditem, eram muito menos utilizadores que no Sapo Blogs. Vou explicar de forma simples. Imaginem a plataforma Sapo Blogs como sendo a cidade de Lisboa (por exemplo) e a equipa que a gere é a policia – provavelmente o rácio será aproximado. Quando passeiam na cidade, a polícia está em todo o lado? Não está, pois não? A policia, tal como a equipa do Sapo Blogs, tem um acordo com Deus. A polícia patrulha as ruas e Deus é omnipresente. Em contrapartida Deus não patrulha as ruas e a polícia não está em todo o lado. Mas quando chamamos a polícia para acudir a um problema, a polícia aparece. Da mesma maneira que, quando detectam um caso de plágio devem avisar a equipa dos blogs do sapo.

Não é difícil perceber isto tudo, pois não?

Então usufruam deste bairro que é fantástico. Destaquem, no vosso blog ou no vosso facebook, os posts que gostarem, enviem para a equipa as vossas recomendações e quando encontrarem casos de plágio enviem esse aviso para a equipa. Escrevam, muito, mas para vocês, porque gostam e porque vos apetece. Interajam com os vossos leitores, respondam aos comentários, visitem os últimos posts, consultem posts pelas tags, visitem quem comenta os vossos amigos. E enviem sugestões. Todas aquelas que achem que podem tornar este bairro ainda melhor. Eles agradecem, tenho a certeza, e os outros bloggers também.

É a liberdade de expressão, pá!

10368403_10204277729638226_8789466462169283030_n.j

 

E é assim que o nosso sapinho mostra hoje, por uma hora (deve estar quase a acabar) a informação dos principais temas de atualidade de uma forma inédita. Todos em cartoon. Um contributo simbólico na defesa de um valor universal: a liberdade de expressão.


E este blog parabeniza os batráquios por esta excelente ideia. Ficou um must! Ainda para mais porque o sapo, lá em cima no canto, vai mudando. Já vi uns três diferentes!

O melhor de 2014

O melhor de 2014.png

2014 está a terminar e o sapoblogs quis fazê-lo em grande - assim como é a própria plataforma.

Escolheram as áreas em que queriam saber o que de melhor tinha acontecido em 2014 - filmes, leituras, albuns, séries televisivas, restaurantes, objectos e coisas que melhoraram a nossa vida - e escolheram, para cada um dos temas, cinco bloguistas para fazerem as suas escolhas. Eu tive o privilégio de escolher o meu livro favorito de 2014.

Consultem aqui, no especial fim de ano, as escolhas de cada um. Não se vão arrepender.

E quais são as vossas escolhas?