Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Navego nas ondas da fantasia

por Magda L Pais, em 28.05.08
Foto de Marina Segura

Teus olhos são doces, cor da esperança,
Que carregas nesse enorme coração
Teu sorriso, a luz
Que me ilumina nas noites sem fim
Tua boca, solene, saboreia o meu querer
Brotam timbres de quimeras
E as tuas palavras são cânticos
De sereias encantadas no oceano
Onde navego ao teu encontro.
Preciso do teu amor
Da fonte do teu odor
Tuas mãos trazem-me o mundo
E a paz que tanto procuro
No teu abraço sinto-me segura
Sou mulher… Sou sempre só tua!
Neste nosso mundo de perfeição…
Em que te criei, doce ilusão.
Quero voltar a sentir
Os teus lábios junto aos meus
E assim viajar
Para um lugar recôndito
Onde me esperas… sorrindo.

Paulo Afonso Ramos & Vera Silva & Pedra Filosofal

Autoria e outros dados (tags, etc)


9 comentários

Sem imagem de perfil

Luis F a 28.05.2008

Mais um belo poema da triologia de tres grandes pessoas...

Parabens

Com amizade
Luis
Sem imagem de perfil

beanabela a 30.05.2008

Sem comentário!...
Sem palavras!...
Cem pensamentos!...
Cem desejos!...

Bom fim de Semana
Sem imagem de perfil

Angel of Light a 31.05.2008

Ol� minha querida Pedra Filosofal!

Andei fugidita, mas estou em fase de regresso... devagarito!

Vim deixar-te uma luzinha em forma de sorriso para iluminar ainda mais o teu fim-de-semana!

Beijinhos de Amor, Paz e Luz!
Sem imagem de perfil

Eärwen Tulcakelumë a 31.05.2008

Um harmonioso trio. Gostei do que li e muito mesmo! Aos poucos vamos vendo surgir mais uma rosa no jardim dos poetas.

Pérolas incandescentes de carinho amigo e saudade.

Eärwen
Sem imagem de perfil

Vera a 31.05.2008

Sabes que mais?
Adoro escrever com vocês :)

Beijo grande
Sem imagem de perfil

Deusa Odoya a 03.06.2008

Oi minha nova amiga Pedra Filosofal.
muito lindo e puro esse seu poema.
estás de parabéns.
adorei seu blog. muita sensibilidade ao escrever.
Boa semana para tí amiga.
Re aguardo no meu cantinho viuuu.

Regina Coeli.
Sem imagem de perfil

Laura Gil a 06.06.2008

Letras, palavras, frases, versos…E assim, se da origem a mais um belo poema trazido até nós por três grandes amigos…

Parabéns

Beijos
Laura
Sem imagem de perfil

Oliver Pickwick a 09.06.2008

Sempre achei uma façanha escrever a "quatro mãos". E vocês, agora, decidiram escrever a "seis". ;)
Um beijo!
Sem imagem de perfil

Sandra Fonseca a 15.06.2008

Eu amei esse "trieto"! já o lí no blog da Vera. Belo encontro e um fruto poético lindíssimo.
Beijo à todos.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor








Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.