Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


canela-livewell (1).jpg

Nenhum arroz doce ou pastel de nata está completo sem uma pitada de canela. E uma pitada no café dá-lhe um sabor muito especial. Cá em casa, infelizmente, não pode ser muito usada porque o meu filho é alérgico à canela.

Quando a anacb me disse que ia enviar uma contribuição para esta rubrica, nunca pensei que fosse sobre esta especiaria que tanto gosto.

Então vamos lá aprender umas coisas sobre a canela.

A canela, que consumimos habitualmente em pó, obtém-se a partir da casca interna da caneleira, uma árvore originária do Sri Lanka que se encontra actualmente disseminada por todo o mundo, sendo comum nas zonas muito húmidas e preferencialmente montanhosas.

A substância química responsável pelo sabor e odor característicos da canela é o cinamaldeído.

A canela é fonte de manganésio (um antioxidante), ferro, cálcio e fibra. É excelente para o cérebro, impulsionando a função e a memória cognitivas, e para o sistema neurológico. Além disso, alguns pequenos estudos parecem indicar que a canela pode trazer benefícios para a saúde, se ingerida regularmente, reduzindo ligeiramente as taxas de açúcar e colesterol LDL no sangue. A dose ideal situar-se-ia entre ½ e 1 colher de chá por dia, no total. Muito saborosa, a canela pode ser usada na culinária como compensação para o açúcar, em termos de paladar – como tem um sabor adocicado e intenso, uma pequenina quantidade é suficiente para disfarçar a redução na quantidade de açúcar que se utiliza para fazer uma sobremesa, por exemplo.

Contudo, antes de desatarmos a engolir colheres de canela em pó umas atrás das outras, há que saber que a canela é um pó muito cáustico, cujas fibras de celulose são biorresistentes e não se dissolvem nem se degradam nos pulmões. Por isso, ao ingerir algum alimento com canela é preciso muito cuidado para não a aspirar, pois causa grande irritação pulmonar.

Além do uso tradicional na comida, a canela é excelente quando associada ao café ou ao chocolate. Um bocadinho de canela em pó misturada no café com leite ou no leite com chocolate, por exemplo, dá-lhes um sabor diferente e absolutamente delicioso. E é bom para a saúde.

 

Update - fica a dica da Ana Silva "coloco um pau de canela numa garrafa de água (preferencialmente na véspera) e vou bebendo ao longo do dia, é uma forma beber água e aliar o beneficio da canela."

Autoria e outros dados (tags, etc)


7 comentários

Imagem de perfil

Sofia Margarida a 03.11.2014

Adoro canela :D Normalmente uso-a muito no meu pequeno almoço!
Imagem de perfil

Sofia Margarida a 03.11.2014

Sim, normalmente (não todos os dias!) junto numa tigela um iogurte, fruta, cereais ou aveia, algumas sementezinhas, e normalmente para dar um aroma doce, deito canela :)
Imagem de perfil

Magda L Pais a 03.11.2014

bom... pela descrição parece-me super delicioso
Imagem de perfil

Sofia Margarida a 03.11.2014

Agora no inverno, prefiro pequenos almoços mais quentes... mas ambos somos adeptos desse pequeno almoço para "desenjoar" e comer algumas coisinhas que normalmente nao comemos muito :D
Imagem de perfil

Magda L Pais a 03.11.2014

Inverno? mas qual Inverno? eheheheheh
(parece que está a chegar..., pelo menos dizem que vem ai chuva).

Sim, agora sabem melhor umas torradinhas e um galão
Imagem de perfil

Sofia Margarida a 03.11.2014

Uma espécie dele :P 


Sim, agora é o que sabe melhor :D  Também custamo usar quando como aqueles cereais tipo kellogs  (que no meu caso sou pouco fã - mas a minha barriga queixa-se com certas comidas ao pequeno almoço e de vez enquando tem de ser) para dar mais sabor, também gosto muito :D 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor








Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.