Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Racismo? ou estupidez no seu melhor?

e vergonha alheia da minha parte...

por Magda L Pais, em 21.08.20

Eu sei que não venho aqui tantas vezes quantas as que gostaria mas hoje e por causa deste tema, senti que precisava de desabafar.

Ontem vi um vídeo maravilhoso. Um vídeo que pretende homenagear a romaria da Senhora da Agonia num ano anormal em todos os aspectos e que, no fundo, até serve para homenagear todas as romarias, feiras e encontros que, neste ano atípico, foram suspensos em prol dum bem maior - a saúde e segurança de todos nós.

Neste vídeo, vários bailarinos, vestidos a rigor - como se fossem efectivamente participar na romaria - que dançam ao som duma música que eu (pessoalmente) desconhecia e que é simplesmente maravilhosa.

Conhecem o vídeo? Não? oh diabo, então sigam por aqui e depois voltem cá.

Já viram? e então, qual é a vossa opinião? maravilhoso não é? uma bonita homenagem não é? Pois... mas o certo é que muitos idiotas (e estou a ser muito simpática) viram, neste vídeo, algo que não está lá... sabem o que foi? racismo! portanto este vídeo foi denunciado várias vezes ao facebook por racismo.

Ora expliquem-me lá como se eu fosse muito burra e limitada do cérebro (assim como aqueles que fizeram a denuncia) onde é que há racismo? é que, honestamente, por mais que tente, não chego lá...

 

May we meet again

 Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

Conhecem o meu blog sobre livros?

Autoria e outros dados (tags, etc)


3 comentários

Imagem de perfil

Vagueando a 22.08.2020

Gostava de ver o vídeo mas não tenho Facebook.
Imagem de perfil

Vagueando a 22.08.2020

  • Pois que quer que lhe diga? Nada.
  • Contudo, convem saber que o Ganês Nabby Cliford diz que é preto não é negro e explica muito bem a diferença, pode ler e ouvi-lo aqui;


https://www.hypeness.com.br/2016/08/ganes-que-vive-ha-30-anos-no-brasil-explica-porque-se-considera-preto-e-nao-negro/

Contudo, se não quiser dar-se ao trabalho copiei o seguinte;
"Para Nabby, no Brasil o termo “negro” é utilizado como uma adjetivação negativa: lista negra, magia negra, câmbio negro, vala negra, mercado negro, peste negra, buraco negro, ovelha negra, fome negra, humor negro, nuvem negra, passado negro, futuro negro, e assim por diante. Por isso, para ele, uma criança, por exemplo, não deveria ser chamada de negra – para que ela não possa confundir suas impressões sobre si com esse tipo de função negativa do termo."

Por outro lado, Nabby lembra que o brasileiro valoriza diversas coisas tidas como “pretas”, como por exemplo feijão preto, um carro preto, café preto, nota preta. “Se branco não é negativo, preto também não é”, ele diz. “Negro é uma palavra negativa. Já que o mundo mudou, vamos mudar nossa linguagem, para acompanhar a mudança do mundo, ok?”.


Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor








Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.