Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Vamos aprender a ler?

por Magda L Pais, em 17.10.16

Alguém - com humor - fez esta imagem e partilhou no facebook. Eu li, sorri e continuei a minha vidinha. E depois veio mais alguém que leu, gostou, partilhou e foi à sua vidinha. Mas chegaram os comentadores e pronto, fico na dúvida se rio ou se choro.

A imagem é esta:

14720518_1484362894922049_8583666424959771479_n.jp

Leram bem, espero. Ou também me vão dizer que agora vai atrasar uma hora e não adiantar ou enviar-me o link do OAL...

Uma má leitura desta imagem não é grave. É uma piada, se não a entenderam, não vem mal ao mundo.

O problema começa quando não lemos (e muitas vezes não ouvimos) o que nos dizem, o que, por vezes, tem consequências desastrosas. E não falo apenas das letras pequeninas, falo na generalidade.

Umas vezes não lemos e outras tantas vezes lemos o que queremos (que nem sempre coincide com o que está escrito). E queremos sempre ter razão quando o fazemos. A culpa nunca é nossa - por não termos lido - mas sim dos outros que não explicaram (apesar de, ás vezes, o terem feito, nós é que não ouvimos).

Acreditem... vale a pena ler, mesmo que julguem que sabem ou que pensem que não está lá nada importante. Poupam tempo e poupam dissabores.

*****

Vamos alimentar uma biblioteca?

E não se esqueçam de participar nos dois passatempos em curso - passatempo Órfão X e Passatempo solidário Pilar

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


13 comentários

Imagem de perfil

Chic'Ana a 17.10.2016

Realmente, as confusões que se originam por não se ler algo com a devida atenção...
Imagem de perfil

Magda L Pais a 17.10.2016

é com cada uma que vale por duas
Imagem de perfil

Sofia a 17.10.2016

Faz lembrar aquele teste da praxe que alguns professores fazem, cuja primeira pergunta é "Lê tudo até ao fim antes de responder" e a última pergunta é "Agora que já leste tudo, responde só à pergunta 2 e 3".
Imagem de perfil

Magda L Pais a 17.10.2016

exactamente. é um excelente exemplo sim. 
Imagem de perfil

Andy Bloig a 17.10.2016

É um dos problemas que muita gente tem para irem protestar por tudo e por nada. Dá muito trabalho ler meia dúzia de linhas. Basta ver um comentário numa rede social que um amigo partilhou, já estão muito bem informados e já tomaram posição sobre algo. Quando descobrem que foram enganados, fazem de conta que quem lhes disse que estavam errados é que foi demasiado "violento" porque os queria obrigar a ler mais 5 linhas de informação. 
Essa brincadeira joga com isso. Quantos não viram iisso, antes de se deitarem adiantaram o relógio "porque estava confirmadíssimo que esta noite mudava a hora". Image
Imagem de perfil

Magda L Pais a 17.10.2016

estava imensa gente a corrigir a moça que partilhou esta imagem... não leram e foram logo a correr partilhar o link do OAL com as datas correctas. Arre. Mas neste caso não é demais, nos casos das noticias, sim, tens toda a razão. às vezes comentam as noticias com base apenas no titulo...
Imagem de perfil

Andy Bloig a 17.10.2016

Infelizmente é o "novo" normal. Mesmo depois de corrigirem, ainda se devem sentir ofendidas por não terem lido as palavras e a pessoa não as ter avisado.
O pior é quando as pessoas propagam essas ideias (umas vezes com boa intensão outras já tem por ideia mesmo levantar posições que lhes interessam) que ganham força sem ligar à notícia original. E, mesmo depois de verem que estão errados e tomaram uma posição com base numa mentira, continuam a afirmar que tem razão, pois era o que a notícia dizia. A comunicação tem usado isso para publicidade. Quando éramos pequenos eram as "gordas dos jornais", agora temos redes sociais que manipulam essas "gordas". 
Imagem de perfil

Maria a 17.10.2016

Li a primeira vez numa publicação da Pólo Norte e ri-me sozinha a pensar nisso mesmo "alguém vai começar a ler e pensar que é outra coisa que não o que está escrito!". :)
Imagem de perfil

Magda L Pais a 18.10.2016

ao que parece imensa gente leu mal eheheheheheh
Imagem de perfil

Maribel Maia a 17.10.2016

É incrível como é tão difícil aceitar o óbvio....

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor








Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.